segunda-feira, 28 de março de 2011

Tempo louco, não?

Você já deve ter notado que o clima está alterado. Enxurradas, diminuição da temperatura, aumento das chuvas na região nordeste do Brasil. Isso se deve ao fenômeno La Ninã que altera as condições atmosféricas e pode manifestar-se por até dois anos.

O episódio La Ninã tem como conseqüências algumas mudanças nas características do clima, trazendo passagens rápidas de frentes frias sobre a região sul, temperaturas abaixo da média sobre a região sudeste, frentes frias até a região nordeste, principalmente no litoral da Bahia, Sergipe e Alagoas, tendência as chuvas abundantes no norte e leste da Amazônia, chuvas acima da média sobre a região semi-árida do Nordeste do Brasil, chuvas muito acima da média no leste dos estados da região Sul e estiagem no Oeste destes estados e no Paraguai.


Para quem não está acostumado com mapas e cartas meteorológicas o fenômeno La Ninã é difícil de entender. O que conseguimos perceber com clareza são suas manifestações tão diversas do clima. Em uma mesma região poderão ocorrer chuvas abundantes em uma parte do território e na outra, uma severa estiagem como é o caso do estado do Rio Grande do Sul. Para região nordeste é difícil imaginar frentes frias no litoral da Bahia ou de Alagoas. Você poderia imaginar uma chuvarada no nordeste do Brasil que geralmente sofre com as secas? Pois é, essa é La Ninã. Prepare-se para estações surpreendentes.

Fontes: Brasil Escola / Wekipédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário