sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Malefícios do fumo




Os pneumologistas afirmam que os males do fumo passivo causam severos prejuízos à saúde. A fumaça do cigarro libera a adrenalina e o cortisol, hormônios causadores do estresse ao fumante passivo, aquele que aspira o ar poluído pelo cigarro.

Os chamados fumantes passivos podem desenvolver várias doenças. Crianças e idosos que convivem com pessoas fumantes ficam com o sistema imunológico debilitado e correm o risco de sofrer problemas respiratórios graves pelo resto da vida.

Cerca de 4.800 substâncias foram identificadas na fumaça dos produtos de tabaco. Dessas, ao menos 250 são comprovadamente tóxicas e 50 são agentes carcinogênicos, capazes de promover danos genéticos.

Em adultos, constata-se um risco 30% maior de câncer de pulmão e 24% maior de infarto do coração em não-fumantes expostos ao tabagismo passivo.

Ademais, os trabalhadores não fumantes de bares e restaurantes têm 50% mais chances de ter câncer de pulmão. Em bebês, há cinco a seis vezes mais riscos para a síndrome da morte súbita infantil.

[Continue lendo no Site]

Nenhum comentário:

Postar um comentário